Qualidade de Vida na Terceira Idade

Você considera que tem qualidade de vida?

A qualidade de vida está baseada em alguns pilares:

Satisfação com a fase da vida que se está vivendo, equilíbrio físico e mental (exercícios físicos, higiene mental), vida social e afetiva satisfatória, espiritua

lidade (acreditar em algo), expectativas e planos em relação ao futuro e lazer.

Vamos falar especificamente sobre a aceitação do momento presente.

Nem sempre conseguimos atender todos os fatores que nos tornam pessoas satisfeitas com nossa fase atual da vida, mas há algumas coisas que podemos controlar.

A forma com que percebemos as situações no momento em que elas se apresentam pode alterar nossa felicidade e aceitação do momento presente. Envelhecer traz ganhos e perdas, e no momento que focamos somente nas perdas, potencializamos essa sensação e todas as sensações negativas que vêm com ela, mergulhando muitas vezes na depressão ou em sentimentos de tristeza.

Ensinamos o cérebro a pensar conforme o estimulamos mais e mais, ou seja, se sempre estamos focando no negativo das situações, esse vai ser o caminho do pensamento nas outras situações que apareçam. Por isso encontrar prazer em cada fase da vida, mesmo na terceira idade, sentir-se grato por chegar, buscar no tempo livre as atividades que por muitos anos foram deixadas de lado por falta de tempo, não se criticar, mas aceitar-se, descobrindo novas habilidades e fazendo planos, é o melhor caminho para ter qualidade de vida.

O envelhecer é esperado por todos, mas não é preparado por ninguém. Devemos nos preocupar em prevenir o futuro e cuidar-nos hoje para uma velhice saudável amanhã.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *