Baby Blues: Entenda o que é e a Importância da Rede de Apoio para a Mãe

Baby blues trata-se da tristeza pós-parto, que atinge de 30% a 50% das mulheres que recentemente deram à luz. Os sintomas costumam aparecer entre o terceiro e quinto dia após o parto e perduram até duas semanas, tais como: repentina alteração de humor, dificuldade de dormir, irritabilidade, choro excessivo, inclusive por pequenas coisas, sentimentos de inadequação e baixa estima.

O pós-parto é desafiador. As mães, ao mesmo tempo em que vivem uma descoberta deliciosa de um acontecimento tão esperado, passam por intensas transformações corporais com súbitas quedas de produção de hormônios.

Precisam lidar com questões psíquicas profundas referentes a sua identidade, tal qual a troca de papel de filha para o papel de mãe, além de enfrentarem um sentimento de perda relacionado a sua liberdade, controle de seu tempo e, paralelamente, terem de enfrentar uma mudança social ao se privarem de seu trabalho, ainda que temporariamente.

Todos esses fatores podem levar a mãe a sentir baixa estima. É muito comum ainda que ela não consiga dar conta de si por cuidar sozinha do bebê.

Além disso, a quantidade de palpites externos da família sobre a forma de cuidar do bebê ou sobre qualquer escolha pessoal, pode levá-la a estar feliz pelo bebê e, simultaneamente, ficar com baixa estima.

Sendo assim, é essencial que exista uma rede de apoio que ajude esta mãe, a fim de auxiliá-la em sua alimentação e organização da casa para que tenha um momento com ela mesma. É fundamental o contato com outras mães que estejam passando por esta condição para que possam compartilhar experiências.

A prioridade agora é a mãe e o bebê, ela deve buscar descansar, sempre que possível, tomar banhos relaxantes, ler e em relação a sensibilidade emocional, é necessário ter paciência, se acolher e pedir ajuda se necessário. Lembramos que não existe a mãe perfeita, converse com sua família, amigos e se perceber necessidade, busque ajuda psicológica.

O mais importante é o seu bem-estar emocional, a mãe estando bem, o bebê estará bem!

Informe seu e-mail abaixo para entrar para nossa lista de assinantes e receber novidades e conteúdos exclusivos do Projeto Sakura!

Assine para receber novidades. Respeitamos sua privacidade e também somos contra qualquer prática de Spam.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *