O Autismo feminino, o que precisamos saber? 

Os estudos mostram que o autismo não ocorre devido a falhas na educação da criança, trata- se de um desenvolvimento diferente do cérebro, que acontece antes mesmo do nascimento e que pode ser definido como um transtorno do neurodesenvolvimento inato e, por esta razão, passível de ser identificado prematuramente. 

Existem sinais cardeais que caracterizam crianças que se encontram sob o espectro autista, como a dificuldade na comunicação social e centros de interesses bem específicos e sensoriais, por exemplo, o que quer dizer que pode haver maior interesse nos objetos do que nas relações humanas. 

Quanto mais precocemente o autismo for diagnosticado, melhor se pode intervir com métodos específicos e eficazes para promover um desenvolvimento futuro dessas crianças, mas sendo o autismo feminino menos comum que o autismo masculino, pode facilmente passar despercebido, já que  algumas meninas e mulheres conseguem camuflar suas dificuldades a nível social e seus interesses restritos são mais socialmente aceitos, portanto camuflam o autismo até a fase adulta, com o intuito de estar em conformidade com as normas sociais. 

Como resultado, certas características podem ser percebidas apenas como sendo perfeccionismo, quando, no entanto,  erros mínimos geram crises emocionais catastróficas, e dificuldades sociais  que foram encobertas começam a dificultar a convivência nas relações, tornando o espectro autista mais evidente. 

Esses esforços de adaptação causam um sofrimento intenso nas mulheres e têm alto custo na economia psíquica.  Portanto, mulheres que chegam a ser diagnosticadas sentem um enorme alívio, posto que abandonam o disfarce e passam a entender sua própria neurologia,  se autorizando, por fim,  a demonstrar abertamente seus valores e predicados,  que são de grande valia para a sociedade.

Informe seu e-mail abaixo para entrar para nossa lista de assinantes e receber novidades e conteúdos exclusivos do Projeto Sakura!

Assine para receber novidades. Respeitamos sua privacidade e também somos contra qualquer prática de Spam.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *