Porque me sinto tão triste?

Em alguns momentos, nossa vida parece não ter sentido. São horas, dias ou mesmo semanas onde somos invadidos por uma baixa de energia, sentimentos e emoções negativas, entre elas a tristeza.  Esses sentimentos podem estar  associados com outros sentimentos e emoções como medo do abandono, sensação de não pertencer a esse lugar ou a esse meio social, solidão, perda de afeto, depreciação (ninguém me ama, eu não mereço ser feliz), entre outros.

A tristeza nos incapacita e nos faz ver tudo através de um filtro. A angústia e aflição podem vir antes da tristeza, causando muitas vezes vontade de chorar, sensação de peso no peito e desconforto difuso pelo corpo. Além disso, passamos a ver a realidade de uma forma distorcida, como se tudo o que acontece confirmasse nosso pensamento negativo a nosso respeito, nos deixando pior ainda.

A nossa sociedade não tem como hábito educar-nos emocionalmente para perceber, aceitar e saber lidar com nossos sentimentos negativos, e isso faz com que nos obriguemos a mostrar sempre uma falsa imagem de felicidade, mesmo quando isso não está acontecendo, o que nos leva a prolongar esses momentos de baixa emocional por guardá-los somente para nós. E para pior, nem sempre a tristeza tem um motivo aparente, uma causa, o que nos confunde ainda mais.

Em primeiro lugar precisamos aprender a não camuflar nossas emoções e sentimentos mesmo quando eles não são agradáveis. Entender que somos humanos e temos variações emocionais. Nem sempre estamos felizes, flutuamos entre emoções boas e más e isso é normal quando numa escala pequena. Por outro lado é importante poder dividir esses momentos com alguém para sentir que não estamos sozinhos e enxergar as coisas desde outro ângulo. Buscar o autoconhecimento para descobrir o que me ajuda a sair dessa situação.

Observar há quanto tempo estou me sentindo assim, e se necessito ajuda para sair disso, porque a tristeza também é sintoma de depressão, e nesse caso precisa de tratamento. Às vezes, ela está ligada a algo que não é consciente para mim, e nesse caso a psicoterapia é o caminho, porque sozinho não consigo ter acesso a esses conteúdos.

Enfim, prestarmos atenção em nós mesmos é o primeiro passo do autoconhecimento, e é necessário para tomar as decisões corretas e poder enfrentar melhor esses momentos tão difíceis.

Quando sentimos tristeza com muita frequência devemos ficar atentos, é um sinal que algo não está bem dentro de você. Pode vir acompanhada de mudanças no humor, desânimo ou falta de energia.
 
Quer entender melhor e buscar uma mudança nisto que está vivendo?
 
Agende agora mesmo uma conversa sem custo com um dos nossos psicólogos:

Você já foi atendido(a) pela equipe Sakura?

Não.Sim.

Prefere receber nossa resposta via e-mail ou whatsapp?

Whatsapp.E-mail.

Informe seu e-mail abaixo para entrar para nossa lista de assinantes e receber novidades e conteúdos exclusivos do Projeto Sakura!

Assine para receber novidades. Respeitamos sua privacidade e também somos contra qualquer prática de Spam.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *